Seja Bem Vindo ao Estudo do Magnetismo

Você que acompanha nosso Blog e gosta das matérias aqui postadas, seja um seguidor cadastro esta ao lado da matéria, no ícone "Participar deste site". Grato! a todos.

sexta-feira, 27 de julho de 2012

Aplicação Magnética em síndrome (Vídeo Também)



Aplicação Magnética em síndrome
Aplicação das técnicas da hipnose condicionativa e do passe magnético em cliente com depressão e transtorno bipolar com episódios de pânico.

HIPNOSE CONDICIONATIVA
É um conjunto de técnicas desenvolvidas pelo engenheiro e psicoterapeuta paulista Luiz Carlos Crozera. É de exclusividade do Instituto Brasileiro de Hipnologia (www.institutohipnologia.com.br). A Hipnose Condicionativa dá ênfase à técnica de Bloqueio de Registros Mentais Negativos (BLOREN), enquadradas no conceito de Terapia Breve. Consiste no desligamento neurológico temporário do tato, da visão e do paladar, permanecendo conectados os sentidos da audição e do olfato. Utiliza a técnica indutiva que leva o paciente ao estado de desdobramento.

DALTON ELOY DA COSTA  daltoneloy@hotmail.com
Engenheiro Mecânico e palestrante espírita, sobre tudo de temas vinculados à Ciência Espírita e Magnetismo. Participa de tratamento espiritual através do passe e evangelhoterapia. Iniciou na Doutrina Espírita em 1982 e atualmente está vinculado à SEF (Sociedade Espírita de Fortaleza) e a AME-CE (Associação Médico Espírita do Ceará). Exerce também atividades na área de hipnoterapia e psicoterapia holística.





Dalton Eloy apresentou os resultados do seu trabalho como hipnoterapeuta e magnetizador realizado juntamente com a sua esposa, também hipnoterapeuta e psicóloga, na Clínica Espaço Viver, em Fortaleza.

A PACIENTE:
 49 anos, mãe de dois filhos adultos, do lar, cursou até o ensino fundamental, mora com os pais já idosos. Desenvolveu uma depressão profunda, com ideias suicidas, após a separação conjugal, aliada a uma redução de estômago e pelo assassinato cometido pelo filho com a consequente prisão.

SENSAÇÕES ANTES DO TRATAMENTO:
Convulsões, medos, visões, vozes.
Insônia, pesadelos, irritação, agressividade, choro.
Taquicardia e desarranjos fisiológicos quando em estado alterado.
Baixa autoestima.
Pensamentos suicidas.
O tratamento iniciou-se em setembro de 2011 encerrando após 10 sessões com a duração de 1a 2 horas. O passe magnético era aplicado no início de todas as sessões terapêuticas com ênfase nos dispersivos durante cerca de 15 minutos.

A Hipnose Condicionativa, segundo Dalton, é estruturada em 4 fases:
A primeira fase diz respeito à indução ao sono terapêutico e ao relaxamento.
A segunda fase reduz a frequência mental com fixação do nível do sono.
Na terceira fase é quando começa o tratamento propriamente dito: magnetização, autoenergização induzida pelo terapeuta, regressão de memória, ressignificação dos conteúdos que a paciente pretenda modificar em si mesma, (progressão) visualização de si mesma saudável no futuro, desbloqueio de traumas existentes.
A última fase é a saída do transe e encerramento da sessão.
Os resultados não tardaram: melhorou notadamente a autoconfiança, a determinação, a autoestima, o humor e o sono.utos.
Sete meses depois, os resultados se mantinham com a redução da medicação pelo seu médico sem recorrência dos sintomas iniciais (visões, vozes, pesadelos, insônia, convulsões, pensamentos suicidas, etc.).
Em seguida o palestrante passou a explicar os mecanismos através dos quais funciona a terapêutica exposta. 
“Estudiosos conjecturam que 90% dos desequilíbrios, desarmonias e doenças surgem primeiro na mente humana, mesmo as provenientes de fungos, vírus e
bactérias; as genéticas, acidentais e abusivas contra a saúde, sofrem influência da mente” o que é corroborado pelos estudos de diversos Espíritos, dentre eles, André Luiz. Desta forma, nossa mente controla o cérebro o qual processa estas informações “provocando reações fisiológicas, metabólicas e de comportamento”. Explanou a respeito das mudanças nas frequências cerebrais diante das atividades mentais diversas, o que pode ser visto no quadro acima.

Como conclusão disse Dalton:
“A redução da frequência cerebral do cliente durante o tratamento é um fato que observamos através do seu estado (visual, respiração, etc.), mas que é passível de ser comprovada através da monitoração por aparelhos especializados.
O passe magnético, quando aplicado no início, em conjunto com a música relaxante e cores calmantes,também ajuda na redução da frequência cerebral do cliente e consequentemente na entrada mais rápida do cliente ao sono terapêutico, favorecendo o estado de desdobramento. Em várias situações durante os tratamentos, após o passe, constatamos que o cliente já estava em sono terapêutico ou quase.
A manutenção do cliente nesse estado durante o tratamento favorece uma normalização na produção dos neurotransmissores em desequilíbrio (...). Este fato pode ser comprovado através da realização de avaliações regulares”.
Afirma ainda o palestrante que “a vontade, a fé do cliente em reestabelecer seu equilíbrio tem influência na regularização da produção dos neurotransmissores durante o tratamento, favorecendo a sua harmonização. A reforma íntima é um elemento essencial para o equilíbrio do cliente não só nesse, mas em qualquer tipo de tratamento, como afirmam várias doutrinas e filosofias que pregam tanto a mudança interna do ser, como a Doutrina Espírita.”

MENSAGEM FINAL:
 “A principal ferramenta para o novo homem da ciência é a compreensão além da compreensão. É poder ver o que poucos veem e levar a todos a luz do conhecimento pautado na mudança interna do ser. É o conhecer a si mesmo, eis o caminho para a verdadeira cura.”
                                                                                (Dr. João, amigo espiritual)

                                                  Link para assistir a palestra.: 

Postar um comentário