Seja Bem Vindo ao Estudo do Magnetismo

Você que acompanha nosso Blog e gosta das matérias aqui postadas, seja um seguidor cadastro esta ao lado da matéria, no ícone "Participar deste site". Grato! a todos.

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Um Caso de Glaucoma



Um Caso de Glaucoma

CHIRLES MELO chikenada@hotmail.com
Casada, mãe de duas filhas. Fundadora e Presidente do Grupo "Cantinho de Luz", em Peabody,/MA; dirigente do Grupo de Magnetizadores de Massachusetts.













Glaucoma é uma doença ocular causada principalmente pela elevação da pressão intraocular que provoca lesões no nervo ótico e, como consequência, comprometimento visual. Se não for tratado adequadamente, pode levar à cegueira.
É uma doença crônica que dura toda a vida, e é necessário que o paciente fique em observação e tratamento contínuo, para manter controlada a pressão intraocular e evitar a perda parcial ou total da visão. Quanto mais rápido se descobrir e tratar a doença, menor será tal perda.

Chirles Melo trouxe para o Encontro o relato de um caso de glaucoma tratado através do passe magnético. A paciente chama-se Roselane Inácio e tem 48 anos. Em 2011 procurou o tratamento magnético, quando foi diagnosticada com glaucoma.
Depois de iniciado o tratamento, novo exame mostrou que a pressão no olho continuava muito alterada.
O problema então foi melhor estudado e as técnicas modificadas. Passou-se a aplicar os passes da seguinte forma:
Dispersivos longitudinais em 04 etapas:
1)Do centro de força coronário ao laríngeo
2)Do laríngeo ao centro de força básico
3)Do centro de força esplênico ao básico
4)Do básico aos pés
Em seguida, foram aplicados concentrados ativantes com toque nos olhos durante aproximadamente 02 minutos, seguidos de transversais locais.
Toda a sequência era repetida 03 ou 04 vezes.
Após quatro meses de tratamento magnético, a paciente retornou ao médico e os exames diagnosticaram que a pressão do olho estava normal.
A perda parcial da visão se manteve, mas o grau diminuiu. A cirurgia marcada para regularizar a pressão do olho foi cancelada por se tornar desnecessária.
A ignorância no assunto fez o médico desconfiar dos resultados dos exames anteriores.


Por motivos particulares, em março deste ano a paciente suspendeu o tratamento magnético.
Continua, porém, fazendo exames periódicos com o oftalmologista e a pressão ocular permanece normal.
Além do tratamento magnético foram dadas as seguintes recomendações complementares:
-Evite expor os olhos aos raios solares. Para protegê-los use óculos escuros, bonés, chapéus, etc.
-Nas duas primeiras semanas do tratamento, evite forçar a vista com leituras e televisão, por exemplo.
-Na primeira semana, quando possível, use tapa-olho em olhos alternados, trocando de olho a cada hora.
-Jamais deixe de usar o colírio recomendado pelo médico e seguir todas as suas recomendações.
-Faça exame com o seu oftalmologista periodicamente.
Na mesma instituição há outra paciente com glaucoma em tratamento magnético há seis meses. No seu histórico consta que mãe e tias morreram cegas, com glaucoma.
Esta paciente já perdeu a visão de um olho. Entretanto, os exames periódicos mostram que a pressão ocular do outro baixou significativamente em comparação com o período antes do tratamento. Além disto, ela não sente mais dores.
Postar um comentário